A importância do Ciclo das Festas Anuais

         Há dois conhecimentos que sempre acompanharam a humanidade: o do espaço e do tempo. Na antiguidade, o ser humano se localizava tanto dentro da natureza do espaço quanto na do tempo. Isso foi válido de maneira geral até o século XV quando, enquanto o homem descobria e dominava as leis físicas com o advento das ciências e o desenvolvimento da inteligência humana, o entendimento do tempo passou a ser esquecido.

         Hoje podemos afirmar que sabemos o que é o espaço. Podemos dominar leis físicas como o magnetismo, a energia nuclear, a física quântica, etc...Mas e o tempo, o que é o tempo?

         A compreensão do espaço nos foi facultada através dos nossos órgãos do sentido, pelo amadurecimento da nossa capacidade de pensar. Mas com relação ao tempo nos encontramos em outra situação. E o que temos como possibilidade de desvendar as leis e as estruturas temporais é nossa capacidade interior da memória.

         A capacidade de memória é uma das mais nobres faculdades do ser humano, pois não se trata de um mero registrar de fatos. Um fato vivenciado torna-se uma substância sutil em cada pessoa. Quanto mais intensamente foi vivenciado, mais detalhadas são as lembranças, que trazem consigo, praticamente as mesmas emoções que foram vividas no passado.

         Quem consegue viver o presente mais intensamente tem uma excelente memória. Em conseqüência, a falta de memória é quase sempre, um sinal de pouca atenção com as vivências diárias. Se uma pessoa sai em férias, por exemplo, e vivencia cada segundo do passeio, ela certamente não precisará de uma filmadora para relembrar esses momentos. Ela, na verdade, será o próprio filme das suas experiências.

         A memória se constrói da capacidade ativa do nosso eu de viver intensamente e do esquecimento voluntário, que elimina o que só foi coadjuvante no processo temporal e não merece ser guardado como parte da própria substância do nosso corpo vital (etérico).

         

Época da Páscoa
Época da Páscoa
Época de Micael
Época de Micael
Época de São João
Época de São João
Época do Natal
Época do Natal

           O tempo compõe-se de, principalmente, dois fluxos: um que vem do passado em direção ao futuro e outro do futuro em direção ao passado. O primeiro pode ser chamado de fluxo temporal do aprendizado ou do pensar. O outro, de corrente de nossos desejos a se realizar.

         A primeira corrente temporal é absolutamente irreal, porque os fatos ocorridos já se passaram, existem apenas na memória e não na realidade presente. A segunda corrente temporal pode ser chamada de supra-real, porque só existe dentro de uma vontade que ainda não se realizou.

         É nesta irrealidade que o ser humano vive, passivamente, a maior parte da vida. Um já passou, o outro não aconteceu. E com grande dificuldade reconhece a existência de um terceiro evento temporal: o presente.

         O presente só acontece quando o ser humano junta ativamente o passado e o futuro, e, num gesto mais ativo e difícil ainda, abre mão do passado e do futuro, vivendo e criando o presente como a si mesmo.

         E esta é grande importância do ciclo das festas anuais. A de serem a lembrança, a recordação ativa em nossa memória da época do ano, do que está acontecendo no aqui e agora na natureza, no cosmo, em nós e em nossas vidas.

         Na realidade o ciclo das festas anuais nos devolve a possibilidade perdida de nos re-conectarmos com a dimensão tempo. De nos revitalizarmos, criando substâncias adequadas na memória de nosso corpo vital, nos trazendo saúde física e anímica através dos ritmos do momento presente, existentes em cada etapa de nosso autodesenvolvimento e em cada época do ano.O que nos traz assim a possibilidade de nos conectarmos, além das dimensões do Tempo (ritmos / Sentir) e Espaço (luz / Pensar), com a terceira dimensão que é a Força (força vital / Querer).

 

                                                     Psicóloga Antroposófica Marisa Clausen Vieira

 

Saiba um pouco mais sobre a época que estamos agora.

Busca no site:

digite o que procura

Loading

Arte, mimos e encantos!!

"Não roube a infância de seu filho, deixe-o descobrir o mundo pelos seus olhos curiosos. Tudo tem seu tempo e o maior tesouro que temos é o aprendizado que fazemos nestas próprias descobertas." RC 

 

Notícias:

Agora temos loja física!!

Dá uma olhadinha na página "Como adquirir os produtos Amarilis" e descubra tudo o que há por lá.

Vale a pena conferir!

LOJA FÍSICA

Tabela de preços:

Tabela de Preços
Tabela de preços_jun2018.pdf
Adobe Acrobat Document 544.1 KB